19 de dezembro de 2009

M'Hamid & Erg Chegaga

Este pequeno posto fronteiriço é o último oásis antes da vastidão do Sahara, para Sul estende-se o Hammada du Draa, o deserto rochoso.De M’Hamid, o Wadi Draa submerge na areia para reaparecer na costa atlântica, 540km para oeste, seguindo na mesma direcção atravessamos o Lago Iriki, um lago seco que se estende até ao oásis sagrado, cerca de 45 km a sul encontraremos a Dunas de Chegaga, aonde só se chega com um veículo todo-o-terreno.E adivinhem lá… é mesmo para onde vamos dia 22…Lago Iriki

18 de novembro de 2009

ViajarMarrocos2010

ViajarMarrocos2010 (Programa definitivo)

Recordamos com nostalgia Março, o ViajarMarrocos2009, o Grupo, os locais onde estivemos, as emoções que partilhamos, as amizades que formamos, como alguém uma vez disse….”Poucos mas bons”. Vem aí 2010, e somos questionados com…”Então? Quando é que voltamos?”

ViajarMarrocos2010, mais uma vez em Março, de 17 a 26, serão 10dias/9noites em solo marroquino, vocacionado para quem gosta de todo-o-terreno e emoções fortes, foi traçado um percurso que passará do Atlas para pistas emblemáticas onde passou em tempos, o saudoso Rali Dakar. De Marraquexe a Fez, passando por Beni-Mellal, Zagora, M’hamid e Merzouga, desta vez será um pouco mais exigente, mas também mais emocionante.

Programa (De 17 a 26 de Março de 2010)

1ºDia – 17 de Março (4ªfeira) – Algeciras/Marraquexe – 07h00 – Concentração em Algeciras em local a designar, passagem de ferrie para Ceuta/Tanger, formalidades de fronteira, seguindo em Direcção a Marraquexe, jantar na magnifica Praça Djemaa EL Fna . Alojamento em regime de APA (bebidas não incluídas).

2ºDia - 18 de Março (5ªfeira) – Marraquexe/Ouzoud – Saída de Marraquexe, pela manhã com destino a Ouzoud, visita ás cascatas de Ouzoud. Alojamento em regime de meia-pensão (bebidas não incluídas).

3ºDia – 19 de Março (6ºfeira) - Ouzoud/Gargantas do Dades – Percurso de montanha de grande beleza, em direcção ao Lago Tislit, até ás Gargantas do Dades. Alojamento em regime de meia-pensão (bebidas não incluídas).

4ºDia – 20 de Março (Sábado) – Gargantas do Dades/Zagora – Ligação das Gargantas do Dades ás Gargantas do Todra, Tinerhir em direcção a Nekob, passagem pelo vale de Draa, até Zagora. Alojamento em regime de meia-pensão (bebidas não incluídas).

5ºDia – 21 de Março (Domingo) – Zagora/M’Hamid – O começo das Pistas do Sul, saída de Zagora em direcção ao Lago Iriki, por pista, Dunas de Chegaga e M’Hamid. Alojamento em regime de meia-pensão (bebidas não incluídas).

6ºDia – 22 de Março (2ªfeira) – M’Hamid/Merzouga – Pista emblemática do Rali Dakar, pelo Deserto do sal e visita á cidade perdida, até ao Erg Chebbi. Alojamento em regime de meia-pensão (bebidas não incluídas).

7ºDia – 23 de Março (3ªfeira) – Erg Chebbi – Volta pelo Erg Chebbi. Alojamento em regime de meia-pensão (bebidas não incluídas).

8ºDia – 24 de Março (4ªfeira) – Merzouga/Midelt– Saída de Merzouga por pista em direcção a Boudnid, Gourrama até Midelt. Alojamento em regime de meia-pensão (bebidas não incluídas).

9ºDia – 25 de Março (5ªfeira) – Midelt/Fes – Saída de Midelt em direcção a Fes, com passagem pela floresta dos Cedro em Azrou e Ifrane, intitulada a Suíça Marroquina chegando a Fes pela tarde, resto do dia livre para explorar esta bela cidade e os seus magníficos Soucks. Alojamento em regime de meia-pensão (bebidas não incluídas).

10ºDia – 26 de Março (6ªfeira) – Fes/Algeciras – Saída de Fes, por Auto-Estrada, em direcção a Tanger/Ceuta, formalidades de embarque e passagem de Ferrie, regresso a casa.

Inscrições e mais Informações envie mail para viajarmarrocos@gmail.com

19 de outubro de 2009

Jbel Sarhro

Jbel Sarhro é uma região agreste e inóspita que fica fora do percurso turístico. É separada do Antiatlas pelo vale Draa a oeste e do Alto Atlas pelo Wadi Dadès a norte. É um território acidentado de rochedos íngremes, planaltos e escarpas escuras.O percurso de Nekob para o desfiladeiro de Tizi n’tazazert, a 2200 mts, é difícil mas vale a pena visitar o lugar conhecido por Bad N’Ali devido às impressionantes formações de rocha vulcânica. Dia 20 de Março ficamos a saber mais...

27 de setembro de 2009

21 de setembro de 2009

Almoço/Convivio ViajarMarrocos

No poderia deixar de aqui documentar o almoço/convívio, do 1º aniversário do Blogue ViajarMarrocos, 27 pessoas deslocaram-se há Republica da Cerveja, no Parque das Nações, para connosco lembrar esta data.
Entre os que foram no programa ViajarMarrocos2009 e os que anseiam em alcançar tal objectivo em 2010, a sintonia era análoga, uns queriam contar as suas experiências e os outros escutavam atentamente.
Obrigado a todos por terem vindo, espero que tenham gostado de estar connosco.
O programa ViajarMarrocos2010, estará disponível no inicio de Outubro.

10 de setembro de 2009

1ºAniversário ViajarMarrocos

Estávamos em Setembro de 2008, quando pela mão de Parola Gonçalves, “nascia” o ViajarMarrocos.blogspot, um pequeno projecto que levou um grupo numa viagem inesquecível ao Reino de Marrocos.

Lembrando esta data, os Participantes do ViajarMarrocos2009, vão reunir num jantar, comemorativo do 1ºAnversário do Blogue, dia 19 de Setembro, no Estoril, para relembrar o passado e delinear o futuro.

O jantar será aberto a todos os que nele queiram participar, basta manifestar essa intenção para viajarmarrocos@gmail.com

11 de julho de 2009

Cidade de Rabat

Rabat é a capital do reino de Marrocos, situada junto ao mar, na foz do Bu-Regreg. É a sede do governo, dos ministérios e da administração central, nela se encontra a maior universidade do País, cinemas, teatros e livrarias. Nesta cidade ergue-se o Palácio Real.A cor branca é a mais utilizada nos edifícios da cidade, muitos dos quais possuem inúmeros pátios floridos e jardins encantadores, a tudo isto dever-se-á juntar as extensas praias e as florestas de sobreiros da Mamora.A cidade é dominada pela torre Hassan, com cerca de 44 metros de altura, situada junto do mausoléu de Mohamed V, o soberano que levou Marrocos à independência.

A Kasbah

Dificilmente passam despercebidos, estes edifícios imponentes erguidos sobre uma planta quadrada, as Kasbahs desempenharam por muito tempo o papel dos castelos fortificados, eram locais de refúgio para pessoas e animais, protegendo-os do frio e de outras ameaças.Enquanto as Kasbahs nos vales da montanha são robustas, as dos oásis do Sul têm um aspecto mais alto e elegante.
Embora muitos hoje em dia tenham sido convertidos em unidades hoteleiras, o kasbah é uma residência majestosa ou a habitação de uma família.

5 de julho de 2009

Cascades d'Ouzoud


Uns dos cenários mais espectaculares de Marrocos, as Cascades d’Ouzoud atraem muitos visitantes. A queda d’água é particularmente impressionante na Primavera, quando a água se precipita do topo das falésias avermelhadas, batendo nos vários ressaltos até cair no desfiladeiro do Wadi el-Abid, 100 metros abaixo. Os visitantes podem maravilhar-se com a majestosa sucessão de cascatas e admirar o permanente arco-íris criado pela névoa lançada pela água.
A visitar na próxima ida a Marrocos.

2 de julho de 2009

Budapeste-Bamako2010 – The Great African Run


O Rali Budapeste-Bamako, é um Rali para amadores que junta três aspectos, o desportivo, o turístico e o de solidariedade. Para todos aqueles que alguma vez sonharam com o Rali Dakar, têm a oportunidade de participar em algo semelhante, no que a trajecto diz respeito. Dividido em duas categorias, uma Racing e outra de Adventure. A categoria Racing é avaliada pela finalização das etapas diárias que contemplam a execução de desafios Geo-caching e culturais, a categoria Adventure é mais para quem quer se divertir, sem a componente competitiva.
A data limite para inscrição é 30/10/2009

Mais info em http://www.budapestbamako.org/en/

20 de junho de 2009

As Alcaçarias de Fez

Muitas vezes situadas junto a cursos de água e geralmente afastadas dos bairros residenciais devido aos desagradáveis odores que produziam, as alcaçarias, ou fábricas de curtumes, davam uma importante contribuição à economia da cidade. O curtimento é uma arte com tradições de milhares de anos. O processo transforma pele de animais em couro macio e que não apodrece. Uma vez curtidas as peles passam para os artesãos.

Fez

Situada entre os terrenos férteis do Sais a as florestas do Médio Atlas, Fez é a mais antiga das cidades imperiais de Marrocos. É a concretização da história do país e a sua capital espiritual e religiosa, tendo sido declarada Património Mundial da Humanidade pela UNESCO.

Fez é a terceira maior cidade de Marrocos e consiste em Fès el-Bali, o centro histórico, Fès el-jadid, a cidade imperial dos Merínidas e, mais a sul, os bairros modernos criados durante o Protectorado.

2 de junho de 2009

Outras andanças...

O Nosso amigo Joka, desta vez não vai connosco para Marrocos…se calhar tem mais juízo que nós… vai para outros lados…

A ver se não se esquece de nós…

EHEHEHEHEHEHEHEHEHEHEH....

EH, PÁ…NÃO ME FAÇAS ESSA CARA!!…Vais pró ano

Marrocos em Agosto

Como já tinha pensado, vou regressar em Agosto… Muito calor!!... Talvez… Mas como diz o Ian Wright aquele “Maluco” do Globe trecker, ….. “The Desert must be Hot…”



Mais informações envia mail para viajarmarrocos@gmail.com

12 de abril de 2009

Uma certeza...voltaremos um dia.

O Valdemar e a Sally


O Valdemar era o prudente condutor que seguia no outro Defender, sempre cauteloso lá foi se adaptando á condução desenfreada dos restantes, espero que não se tenha estragado, andou dois meses a “espremer” a esposa na compra de equipamento para o seu Defender e não faltou nada. A Sally, dona de uma curiosidade enorme, passou a viagem a aprender como se montava e desmontava o defender, descobrindo que o CB tinha sido a melhor aquisição, que o Valdemar tinha feito, agora quer a centralina reprogramada, tas cheio de sorte Valdemar… Um Abraço e obrigado.

O Rei Patroleiro...



O Rei Patroleiro (Tipo Rei Escorpião, o do filme), é assim que eu o vi… Parecia que saía debaixo das dunas, aquele Nissan Patrol GR com pneus enormes, carregado até não poder mais, lá dentro ia o Pedro que tinha quase tudo para vender e o Edgar que tentava vender terrenos em Marrocos. A muito custo lá convenci o Pedro a pôr CB, mais difícil ainda foi leva-lo a falar ao rádio, acho que só começou a falar lá para o 3/4dia…Obrigado pelo esforço. Um abraço.

Familia Diogo



O José Diogo a caminho de um passeio TT, dizia-me pelo CB; “ Acerca de Marrocos? …Temos que falar disso mais a sério…”, dois dias depois comprou um Discovery II e lá embarcou neste Passeio com a Rosa, o Gonçalo e o Rodrigo. Tenho que agradecer, não só pelo companheirismo, como também pelas aulas de mecânica que lá ia fazendo durante toda a viagem, tenho a certeza que saímos de lá a saber umas coisas e a compreender outras… Um Abraço e obrigado.

Black Defender G4



Denominado ” Black Defender G4 Challenge”, esta “Team”, era composta por Ricardo Soares, um surfista benfiquista, e o José Bernardino um Gestor que anda no MotoCross, ambos da Zona do Estoril. Vinham “armados” com o ultimo grito da tecnologia fotográfica, de fazer inveja a muitos profissionais do ramo. São os grandes responsáveis pelas 8.470 fotos, que temos desta viajem. Um Abraço e obrigado.

9 de abril de 2009

Heroes


Heroes, o Rodrigo de 3 anos e o Gonçalo de 8 anos, são os meus heróis, esta “malta”, fazia tiradas de 200/300kms, horas a fio sem parar e não se queixavam, não me lembro de uma única vez ter parado porque eles precisavam, ocupantes do banco traseiro do Discovery TD5, lá se iam entretendo com um DVD portátil e umas bolachas o caminho todo. Lembro-me de adultos, em outras ocasiões, que não aguentaram tanto. Parabéns ao Rodrigo e ao Gonçalo, e aos Pais também.